EUA vão proibir empresas do país de vender componentes para Huawei

16/05/19 – 10h45

Os Estados Unidos afirmaram que vão proibir empresas do país de vender componentes eletrônicos sem sua aprovação à fabricante de equipamentos para telecomunicações Huawei Technologies, com sede na China.

Por meio de um comunicado, o Departamento de Comércio americano disse que tomou a medida após concluir que a fabricante está engajada em atividades tidas como contrárias à segurança nacional.

Segundo a agência de notícias Reuters, a medida vai fazer com que a Huawei enfrente dificuldades para fabricar determinados produtos por causa de sua dependência em fornecedores americanos.

Em abril do ano passado, os Estados Unidos tomaram medidas similares contra a ZTE, uma outra fabricante chinesa de equipamentos para telecomunicações.

Na quarta-feira, o presidente americano Donald Trump assinou uma ordem executiva declarando emergência nacional devido a ameaças à tecnologia do país.

Nenhuma companhia teve o nome citado de maneira específica; mas, aparentemente, a ordem executiva tem como alvo companhias como a Huawei.

Em uma declaração, a Huawei Technologies afirmou que a medida vai afetar os lucros de clientes e empresas nos Estados Unidos, além de atrasar o desenvolvimento de redes 5G americanas.

 

NHK (emissora pública do Japão)

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *